Você costuma prestar atenção na embalagem dos produtos que compra e consome? No tamanho e formato das letras, nas informações, na facilidade de manuseio? Muitas vezes, a preocupação com aquilo que embala o conteúdo que queremos consumir é relegada a segundo plano, mas a verdade é que a embalagem influencia a maneira como o consumidor identifica e interage com o produto. Ela é capaz de fazer com que o consumidor decida entre as alternativas concorrentes e até pagar mais caro, se for o caso, desde que ele perceba valor agregado.

A Agência reconhece a importância do tema por meio do Design Export, programa que apoia empresas brasileiras no desenvolvimento de produtos e embalagens inovadores e de bom design voltadas à exportação. A iniciativa criada em 2013 realiza consultorias e capacitação para que a inovação pelo design faça parte da cultura organizacional das empresas. Os consultores orientam os empresários no desenvolvimento do produto ou embalagem com informação e apoio necessários à gestão do processo.

Especialista no tema, o professor Aparecido Borghi afirma que o bom design de embalagens pode diferenciar seu produto e tirá-lo da vala do menor preço. “Diferenciação por meio do design de embalagens é uma das técnicas mais eficazes para trazer uma vantagem competitiva a uma empresa”, explica o profissional com 28 anos de mercado e que já foi gestor das marcas próprias do Pão de Açúcar. Ele também trabalhou na Unilever, Kimberly e em outras empresas de destaque no mercado, além de ter dado aulas para programas desenvolvidos pela Apex-Brasil em parceria com a Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), em São Paulo.

Nesta semana, Aparecido Borghi apresentou a palestra “O Design de Embalagens no Mercado Japonês”, para um grupo de empresários no escritório da Apex-Brasil, em São Paulo, em evento preparatório para a Foodex 2018, a principal feira de alimentos e bebidas do Japão.

Além do mundo acadêmico, o professor da ESPM atua em uma consultoria internacional com foco em varejo e tem um escritório na Ásia que tem, entre os clientes, a empresa Aeon, um dos maiores varejos globais com sede no Japão. “Cuido, também, da área de sourcing na LATAM. O grande desafio para nossos produtores reside nas certificações de qualidade exigidas”, explica. Confira o pensamento de Aparecido Borghi sobre a importância de uma boa embalagem na entrevista a seguir:

 

Qual o papel primordial da embalagem na sedução do consumidor para comprar determinado produto?

Vivemos em uma época de constante evolução, onde o ciclo de vida de um produto está cada vez mais reduzido e um número cada vez maior de decisões é tomada no ponto de venda. Nesse cenário, a embalagem influencia a maneira de como o consumidor identifica e interage com o produto sendo capaz de fazer com que o consumidor decida entre as alternativas concorrentes e até pagar mais caro – desde que ele perceba valor agregado.

Quais os principais desafios da indústria brasileira em relação a esse produto?

Do ponto de vista tecnológico, o Brasil está bem servido, haja visto que as maiores empresas produtoras de embalagens em nível global têm produção aqui no Brasil. Acredito que os maiores desafios estão localizados no cenário econômico e na carga tributária que afetam a competitividade deste e de muitos setores no Brasil.

E quanto às tendências? A qualidade e a variedade na produção de embalagens a médio e longo prazo será muito diferente da realidade atual?

Costumo dizer que a embalagem evolui em função da evolução da sociedade. Com as mudanças demográficas e de comportamento do consumidor, novas necessidades surgem e os produtos e embalagens devem adaptar-se para suprir essa necessidade. A tecnologia tem trazido mudanças significativas na vida cotidiana das pessoas e as embalagens seguem essa evolução. Mudanças demográficas como envelhecimento da população, casais sem filhos... os solteiros já exigiram novas embalagens na última década. A vida online, os millenials... juntam-se às anteriores para gerar mais evolução.

Como pode ser definido o design de embalagens no mercado japonês? Quais as principais diferenças em relação ao mercado brasileiro?

O design japonês tem um reconhecimento global. As embalagens no mercado japonês têm uma apresentação incomparável com outras regiões do planeta. Uma amostra disso? Para a preparação de minha apresentação, pesquisei várias fontes e uma delas, uma exposição no Asia and Pacific Museum, em Varsóvia, traz no seu nome a tradução para esse discurso: “Too pretty to throw away: packaging design from Japan”. Uma exploração da transformação da tecnologia de embalagem acontecida no último século. Insisto que os consumidores e seus hábitos de consumo ditam o estágio do desenvolvimento do mercado. O Brasil tem um design de embalagens muito bem desenvolvido, criativo e premiado. Trabalhei em algumas empresas usuárias de embalagens e a criatividade e as soluções das embalagens brasileiras e seus profissionais sempre foram bem avaliados globalmente. Penso que ambos os países mostram um diferencial cada qual em seu estágio de evolução.

Qual o atual contexto de desenvolvimento de embalagens?

O estágio do desenvolvimento de embalagens no Brasil e de seus profissionais está em um patamar de crescimento e evolução. O desafio enfrentado pelos profissionais de embalagens é o “mais com menos”, daí a necessidade da criatividade brasileira e da resiliência de seus profissionais.

Quais setores atualmente investem mais na produção de embalagens? E quais setores, em sua opinião, deveriam melhorar a apresentação de seus produtos nas gôndolas?

O setor de alimentos é o maior consumidor de embalagens e traz inovações surpreendentes nos últimos tempos. Onde existe uma oportunidade de melhoria está nos produtos para o lar, ferragens e utensílios para bricolagem. Alguns fabricantes se destacam, mas uma boa parte do mercado não enxerga o valor de um bom design de embalagens.

Qual a importância de um bom design de embalagem? Como chamar a atenção do consumidor?

O bom design de embalagens pode diferenciar seu produto e tirá-lo da vala do menor preço. Diferenciação por meio do design de embalagens é uma das técnicas mais eficazes para trazer uma vantagem competitiva a uma empresa.

Qual o prejuízo que uma embalagem pobre, simples e desleixada pode causar à empresa?

Eu tive a grande felicidade de trabalhar 2/3 da minha carreira na indústria e, nos últimos 10 anos, migrei para o varejo e essa particularidade me permite olhar a embalagem por diversos aspectos. Posso afirmar categoricamente que uma embalagem pobre dificultará a entrada de seu produto no varejo tradicional. E quando um produto nessa situação consegue adentrar ao portfólio ele exercerá um papel coadjuvante nas gôndolas. Será aquela opção “pobrinha” da categoria, sua vantagem competitiva deverá ser o preço. E empresas que operam nesse cenário devem ser muito eficazes em custos e eficiência para serem lucrativas.

Como diminuir o prejuízo na confecção do produto?

O que entendo do ponto de vista de embalagem é um desenvolvimento com a visão holística da empresa. Os profissionais de produto/formulação não devem viver apartados da área de embalagens e vice-versa. Estas são áreas complementares e devem ser unidas.

Qual a importância do conceito de sustentabilidade na produção de embalagens?

Existe uma gama muito grande de alternativas sustentáveis, mas eu parto de um conceito básico: a função básica de uma embalagem é e sempre será proteger o seu conteúdo. Então entendo que uma embalagem sustentável é aquela que protege o alimento (produto) em todas as etapas de distribuição, permite o consumo de maneira pretendida, que tenha sido projetada utilizando a quantidade ideal de matéria-prima, que seja reciclável de maneira economicamente viável.

O Brasil tem uma cultura de reciclagem de embalagens? E como isso ocorre no mundo?

Sim, o Brasil tem uma cultura de reciclagem superior a algumas outras culturas, mesmo que seja oriunda de uma necessidade econômica de muitas famílias, mas o conceito de reciclagem é bem difundido em nosso país.

 

Para saber mais:

 

Exposição de embalagens:

http://www.muzeumazji.pl/en/temporary-exhibition/too-pretty-throw-away-packaging-design-from-japan/

 

Casos de sucesso de empreendedorismo brasileiro no exterior: www.bebrasil.com.br